29.5.16

MULHER EMAGRECE 90 Kilos, POSTA NA NET E BOMBA!

Simone Anderson, 25 anos, documentou, durante dois anos, a perda de 88 kg e os efeitos do emagrecimento sobre o seu corpo. A neozelandesa combinou a cirurgia, que reduziu o tamanho de seu estômago para cerca de 15% de seu tamanho original, com uma dieta e estilo de vida mais saudáveis e exercícios... Leia Mais Aqui

22.5.16

VOVOZINHA TARADA QUER SEXO DIÁRIO!

Uma Vovó italiana de 88 anos entrou com pedido de divórcio contra o marido alegando insatisfação sexual. Segundo revelou o jornal "Cronache del Salernitano", a Vovozinha tarada disse ao advogado que o seu marido octogenário só queria ter relações sexuais duas vezes por mês e isso deixava-a insatisfeita sexualmente e que os seus dois ex-maridos eram melhores na cama.
O jornal revelou ainda que a vovó - professora aposentada - admitiu que o pedido de divórcio foi uma estratégia para levar o marido a tomar Viagra, embora ele tenha recusado por ter problemas cardíacos.
No tribunal, o juiz perguntou à mulher se não conseguiria encontrar outra atividade que a satisfizesse. A Vovozinha tarada declarou que não podia "deixar de foder" só por causa da idade e que, se o marido não "desse no couro", iria procurar outro parceiro que trepasse diariamente.


#granny #oldgrannies #cougar #grandma #milf #olderwoman

21.5.16

AMOR... COME O MEU CUZINHO?


(Fuc, fuc, fuc, fuc...)
- Amor...
Fuc, fuc, fuc...
- Beto!
- O que?
- Come o meu cuzinho?
- Ãh?
- Vai, come o meu rabinho.
- Ah, não sei?
- Não sabe? Comer um cuzinho?
- Não, não é isso!
- O que é então?
- Você não está acostumada, pode doer!
- Quem disse? Só dói nas primeiras vezes!


- Epa... Quem disse o que?
- Que não estou acostumada?
- Você... Você nunca me disse isso?
- Você nunca perguntou!
- Peraí, você já deu o cuzinho?
- Claro!
- E o trouxa aqui pensando que ia ser o primeiro!
- Ah, amor! Foi só uma ou duas vezes!
- Porra, só falta você dizer que adorou!
- Adorei, por que? Você não gosta?


- Tô me sentindo um otário! Eu pensava que você era santinha!
- Tá me chamando de puta?
- Não, só achei que...
- Tá deixa pra lá, come logo!
- Não sei, tem certeza, pode machucar?
- Come logo isso aí, o Lê tinha o pau maior que o teu!

- Puta que pariu! Agora broxei!
- Ué? Por que? Não gosta do Lê? Ele é teu amigo!
- Amigo uma ova! Tô me sentindo inferiorizado!
- Deixa de ser bobo! Tamanho não é documento!
- Ãham, sei...
- Sabe nada, já deu alguma vez para saber?
- Claro que não!
- Então... Beto, eu tô contigo agora!
-  Então? Você me humilhou, porra!
- Humilhei não, relaxa!
- Tá bom!
- Vem, vamos continuar, vem...
- Não dá, tá mole!
- Eu faço um boquete...
(Chu, chup, chup, chup...)
- Vem, logo! Agora vai dar... Come meu cuzinho, come!
- Vira então!
- Vai Beto, mete...
- Tô tentando!
- Como assim tentando?
- É que não tá bem duro!

- Não tá bem duro? Quer comer ou não?
- Quero sim, acho que foi o assunto... Abre um pouquinho!
- Abrir o que?
- O cuzinho!
- Como vou abrir o cuzinho?
- Relaxa, porra!
- Eu tô calma e relaxada, você é que tá nervoso!
- Não tô nervoso!
- Então por que tá de pau à meia-boca?
- Que isso? Onde aprendeu isso?
- Com minhas amigas! Elas falam assim quando os namorados broxam!
- Porra... Você conta pra elas?
- Eu não! Elas contam! A Claudinha disse que...
- Fica quieta e abre este cu!
- Tá me tratando como uma puta?
- Não é isso... To tentando, preciso me concentrar!
- Tá, vamos parar, depois continuamos!
(...) 5 minutos depois (...)
- Mi, eu tava pensando...
- Pensando no que?
- Sabe a Lucinha?
- Sei, o que tem ela?
- Aquele bundão, será que ela dá prô namorado?
- Dá sim, ela me falou!
- Hum!
- Ei! Você tá de olho no bundão da Lucinha?
- Não, claro que não!
- E como você sabe que ela tem um bundão?
- Naquele dia na praia...
- Na praia... Você comeu o rabo dela?
- Que papo é esse, claro que não!
- Isso tá mal explicado, por isso vocês dois sumiram!
- Eu não sumi!
- Sumiu sim, até deu tempo pra mim...
- Deu tempo pra quê?
- Nada não!
- Começou... Agora vai ter que dizer!
- Tá, eu digo!
- Desembucha!
- Naquele dia foi a última vez que dei pro Lê!
- Agora fudeu, além de ter o pau menor, eu sou corno também!


- Corno por que? Não estávamos juntos ainda!
- Não interessa!
- Como não interessa?
- Você já dava o rabo e levou três meses pra me dar!
- Quer saber Beto? Vou embora, chega!
- Espera, isso não pode ficar assim!
- Claro que pode! Nosso namoro já era!
- Não tô falando do namoro!
- Tá falando do que?
- Tô falando do teu cuzinho, ainda não terminamos!
- Mas de jeito nenhum, como você vai comer meu cuzinho? Tá broxa!
- Broxa não! Ontem eu comi a Lucinha!
- Ah, viu! Eu tinha razão!
- Grande coisa, você deu pro Lê!
- Que humilhação, pelo menos comeu aquele cu?
- Não, pedi mas ela não me deu!
- Claro, este pauzinho não faz cócegas naquele bundão!
- Tá me ofendendo...
- Tô não, verdade não é ofensa!
- Ah, é? Então fica  que eu te mostro ou eu como teu cu a força!
- Esquece, e deixa de ser terrorista! Tchau!
- Espera. Vamos conversar melhor!
- Conta outra piada!
- A gente tem muita coisa em comum.
- O que... Por exemplo?
- Não sei. Sei lá!
- Beto, vai se fuder!
- Vai... Vai se fuder você!
- Vou mesmo, vou encontrar o Lê, pelo menos ele não broxa, tem pauzão e sabe comer um cuzinho!


- Sua puta!
- Broxa!
- Vai... Vai dar e arregaçar esse cu!
- Claro que vou! Esse pigolinho aí...É incapaz, aliás, incompetente!
- Vadia, quantas vezes você gozou com ele... Safada mentirosa!
- Beto... Quer saber?
- O que?
- Eu fingi... Fui!

Autora: H. Thiesen
http://www.pensamentoindecente.com

16.5.16

MULHER EM CASA COM FOGO NO CUZINHO

Estou pegando fogo, louca para foder e querendo dar o cuzinho...Estou sozinha em casa.
Pathy desabafa!
“Confesso que queria que minha buceta fosse chupada e fodida todos os dias. Mas meu marido fica no bar com os amigos e eu fico em casa sozinha...
Sou gostosa só que não tenho a coragem que queria de sair por ai dando pra todos os caras que querem me comer. Minha bucetinha e meu cuzinho ficam em brasas, aí eu uso meu vibrador e gozo muito imaginando um macho me chupando e metendo uma vara bem grande e grossa no meu cu... Bombando bem forte, suas bolas batendo no meu grelo hummm... Às vezes sonho com duas picas, uma no cu, outra na xaninha - Eu sentada em cima do cara fudendo gostoso, ele apertando minha bunda, enquanto o outro me enraba, puxa meus cabelos, massageia minhas tetas e me beija gostoso...”.

Se você estivesse aqui em casa.. Eu cheia de tesão... O que faria comigo?
Conte aqui para mim que retorno para você e quem sabe...
Beijos da Pathy

 

10.5.16

MINEIRA CASADA QUER...“NUNCA FUI MULHER DE UM HOMEM SÓ”

Me chamo Fabiana, sou de Belo Horizonte, tenho 38 anos, morena, cabelos compridos, seios grandes, coxas grossas, lábios carnudos, 1,74, 62 kg.
Quero contar minha história, que não deve ser igual à de tantas mulheres. Eu sempre traí meu marido mesmo antes de me casar. Me casei porque minha mãe sempre me quis ver casada e estava namorando com ele. A verdade é que nunca fui mulher de um homem só, não gosto de me prender e de limitar, gosto de transas descomprometidas e descomplicadas.
Desde sempre traio o meu marido e duvido que ele não saiba, pois está na minha cara quando não quero transar com ele. Além do que, quando quer foder, é sempre um mamãe e papai sem tesão.

 
Não me vou separar dele, atualmente vivemos juntos e temos uma filha. Trai o meu marido com vários homens, tenho uma rola fixa (um coroa que me da tudo que quero), mas adoro varias e marcar encontros com outros gatos pela internet. Já conheci homens muito interessantes...
Não procuro amorzinho, procuro sexo, desejo, transas loucas que me deixem doidinha! 


Para todos os gatos safadinhos, que queiram falar comigo deixem mensagem, se gostar do seu perfil realizarei suas fantasias e deixarei vocês bem doidinhos! 


8.5.16

O PÚBLICO ELEGEU A MELHOR BUCETA...

Qual a buceta preferida dos leitores do SexiBlog?
Peluda, Carnuda, Greluda, Lisinha, Branquinha, Escura, Lábios Grandes...
108 leitores votaram e o resultado foi:
 

5.5.16

AMIGO DO MARIDÃO ME FODEU GOSTOSO!


Meu nome é Claudia, 47 anos, não sou mais uma menina, mas ainda “dou um caldo” e tenho muito fogo! Sou branca, seios pequenos, pernas torneadas e o meu maior atributo - Minha bunda! Grande, durinha, cobiçada e desejada... Menos pelo meu marido, claro!
Sou casado há 26 anos com o Fred, 53 anos, que apesar de estar em boa forma, é muito calmo, sossegado... Sabe como é? Maridão acorda cedo, dorme cedo, trabalha muito, viaja a serviço e quando está em casa gosta de ver filmes na TV. Esse é o seu maior defeito. Ele não disponibiliza a rola para mim! Não quer saber de me comer!
Então...
Vou contar o que aconteceu sexta-feira passada.
Passava das 22:00hs, noite quente de verão, estava em casa tranquila e bem à vontade - só de calcinha e uma camisolinha sexy - trabalhando (revisando planilhas e relatórios da empresa) e assistindo TV, quando Marcos, um amigo do Maridão, tocou a campainha... Queria saber se estava tudo bem e “jogar um pouco de conversa fora”. Não podia deixar o cara do lado de fora né? Convidei-o para entrar. Só esqueci um detalhe: Estava seminua, de camisola e calcinha!
- Claudia quanto tempo, você sempre bonita e... Rsrs. Cadê o Fred? (Marcos falava comigo e me comia com os olhos!).
- Chegou do trabalho tomou umas três cervejas e capotou! Esta dormindo profundamente... Ouça o ronco do seu amigo!
Enquanto falava percebi que o Marcos olhando pelo decote da minha camisola transparente, que dava uma bela visão dos meus peitos (estava sem sutiã). Meio sem jeito, procurei esconder um pouco, mas aquele olhar de canalha mexeu comigo, deu mais calor e os bicos arrepiaram!!
- Marcos, que puta calor... Quer beber algo, comer alguma coisa?
- Quero! Estou precisando comer... Estou com fome!
Percebi um sorrisinho safado junto com a resposta... E, principalmente, um "volume" marcado na calça... Fiquei imaginando o tamanho do pau dele! 
Fui até a cozinha preparar algo para comermos.
- Com esse calor uma cerva gelada cai bem!
- Claro! Vamos tomar “uma” juntos! Quer ajuda?
Enquanto preparava os “comes e bebes” percebi que Marcos não tirava os olhos da minha bunda!
 - Vou ai te ajudar!!
O canalha (gostoso) veio e me agarrou por trás, me encoxou gostoso... Senti o pau duríssimo na minha bunda!
- Marcos para!
- Gostosa, sempre tive esse tesão: Comer você! Principalmente essa sua bunda linda, cobiçada e desejada!


Tentei me desvencilhar, mas confesso que minhas pernas bambearam... Ele meteu as mãos nos meus peitos e chupou os bicos que estavam durinhos. Marcos desceu a mão até minha buceta molhada, apertou forte e acariciou meu grelo duro... Não aguentei:
- Sempre te achei um gostoso... Estou carente de rola! Vamos subir, foder lá encima, tem um quarto vazio... Meu filho está viajando.
- Claudia, você é louca! O Fred pode acordar...
- Acorda nada! Ele tem sono pesado! Mas espere. Vou lá encima ver como Ele está.
Maridão estava dormindo. Sono profundo, como em todas as noites! Fechei as portas dos quartos e voltei pros braços (melhor, pro pau!) do Marcos que já estava pelado!
Ele era exatamente como eu imaginava! Um canalha, gostoso com boa pegada. O pau dele era incrível. Do jeito que tinha imaginado - uns 18/19 cm e grosso.
- Claudinha, posso fotografar sua bunda grande e durinha, sua bucetinha... Eu te fodendo? Assim, depois bato varias punhetas lembrando...




- Canalha! Putão! Pode mas sem mostrar o rosto!
- Claro! Gostosa! Não sou louco... Além do que o Fred é meu amigo!
Essa parte era a mais excitante... O corno dormindo no quarto ao lado e eu aqui dando pro melhor amigo dele!
Marcos arrancou minha roupa (não era muita) me deixando peladinha. Pegou o celular e começou a me fotografar. Cai de boca e mamei aquela rola deliciosa, beijando a cabeça, lambendo e engolindo todinho.
Marcos me beijava, mamava nas minhas tetas até chegar na buceta, enfiando a cara com vontade. Me chupava com gosto, enfiava a língua e mordia de leve o meu grelo duro. Gozei várias vezes na boca dele. Fiquei de 4, ele me chupava por trás seguindo sua língua até meu cuzinho (adoro dar o rabo), que piscava involuntariamente querendo pica.
Marcos meteu gostoso na minha buceta, me fez gozar muitas vezes. Falava no meu ouvido:
- Putona, safada... Goza encima do meu caralho... Deixa ele bem melado que vou colocar no seu cuzinho.


- Empina a bunda que eu vou comer esse rabinho gostoso.
O putão encostou a cabeça do pau na “porta” do meu cuzinho e forçou ate entrar inteiro! Uma dor misturada com prazer sentindo aquele caralho grosso entrando e rasgando meu rabinho. Gozei pelo cú mais algumas vezes!!!
Ele tirou a camisinha, não conseguiu segurar e gozou na minha boca, segurando minha cabeça pra eu engolir toda a porra, coisa que fiz alucinadamente. Deixei seu pau limpinho com a boquinha gulosa (adoro tomar leitinho morno antes de dormir).


Agora, minhas sextas-feiras, às vezes quartas e às vezes vários dias na semana, ficaram mais animadas! Não fico mais sozinha. Marcos vem me fazer companhia e tomamos uma cerva juntos! 

2.5.16

MANUAL DE CIVILIDADE PARA MENINAS

O Manual de civilidade destinado às meninas para uso nas escolas foi escrita pelo Belga Pierre Louis em 1917. A obra teve sua primeira publicação em 1927, dois anos após a morte do autor.
Trata-se de uma paródia dos rigorosos e moralistas manuais de educação e boas maneiras utilizadas na Belle Époque.
A obra de humor erótico é um contundente ataque desferido contra as regras vigentes do puritanismo burguês.
 
1. Não diga: Minha buceta - Diga: Meu coração.
2. Não diga: Estou com vontade de foder. - Diga: Estou nervosa.


3. Não diga: Acabo de gozar como uma louca! - Diga: Sinto-me um pouco fatigada.
4. Não diga: Vou masturbar-me. - Diga: Vou relaxar
5. Não diga: Quando eu tiver pentelho no cu. - Diga: Quando eu crescer.


6. Não diga: Eu prefiro a língua no pau. - Diga: Só gosto de prazeres delicados.
7. Não diga: Entre as refeições só bebo porra. - Diga: Sigo uma dieta especial.


8. Não diga: Tenho consolos em minha gaveta. - Diga: Nunca fico entediada quando estou só.
9. Não diga: É uma menina que se masturba até desmaiar. - Diga: É uma sentimental.


10. Não diga: É a maior puta da terra. - Diga: É a melhor menina do mundo.
11. Não diga: Ela deixa-se foder por todos aqueles que a masturbam. - Diga: Ela flerta um pouco.


12. Não diga: Eu a vi ser fodida pelos dois buracos. - Diga: é uma eclética!!!