17.3.10

SEXICONTO da NEGA

Ela foi levada, por aquele homem até uma sala escura... Onde só havia um refletor sob uma cadeira.
Seu corpo tremia em estranhas sensações.... Sensações.
Ele a sentou na cadeira fria, enquanto suas perguntas, a deixavam sem ter o que responder.
Olhava aquele homem e inexplicavelmente, se sentia atraída por aquilo tudo.
A luz branca, forte, não deixava que ela percebesse que o mesmo desejo exalava dele.
E ela ria, em seu íntimo.
Ele chegou perto, sentiu seu hálito de hortelã e imediatamente seu rosto corou.
Ele a beijou com tesão. Ela sem resistência se entrega, se desnuda em frente aquele estranho desejo.
Ele coloca a mão sob seu vestido branco e desliza sob suas pernas.
Delicadamente chega em seu sexo, nos olhos ela via fogo, o mesmo fogo que sentia no olhar que a cada minuto lançava a ela.
Abriu as pernas sem resistir e logo, ele beijava seu sexo molhado.
Sua língua a percorria numa fome desesperada e ela gemia...
Misto de tesão e medo...Ela se entrega.
Sem medo, apenas desejo..

7 comentários:

ursinha disse...

Muito quente delicioso..

Bjs de mel
ursinha

Desejos Inconfessáveis disse...

imagem maravilhosa!

fatti___ disse...

Leoooooo teu blog esta pegando fogo!

tah lindo viu......bjkas amigo que gosto demaisssss

T I N I N disse...

O tezão , viu!
Ja mexeu comigo.
Parabéns pelo conto...hot hot hot
Beijinhos no meu blogueiro gostoso...
T I N I N

EU SOU NEGUINHA disse...

Oi maravilhoso...
Muito bom ver o conto da Nega aqui...uiiii..isso esta uma delicia..
Beijos em ti

Hellena disse...

Mto bom te ler, sempreeeee !!!
Teu blog cada vz mais quente !!!
Delicia mesmo.
Obgda pelo carinho,Leo.
Ando sem tempo p/ visitar os amigos queridos, mas qdo dá sempre dou uma olhadinha.

Linda semana pq vc
Bjssssssss

XICO CRUZ disse...

ta maravilhoso, eu adorei.