19.3.09

TODA ESQUINA TEM UM NOME

Um texto "desabafo" que me foi enviado por uma leitora. Achei interessante e vou publicar.

"Rego Freitas e Major Sertório eram personalidades notórias, mas hoje são esquinas do centro de nossa cidade. Nela encontramos Elenice, um bar, mas também encontramos Patrícias, Bárbaras, Robertas, Karolinas e tantas outras T-Gatas, ou melhor, seres humanos de coragem e qualidade, que muitas vezes vejo pessoas criticarem, por sua opção em prostituir-se.Fica então sempre na minha cabecinha a pergunta: O que sabem os que criticam? Será que eles já sentiram na pele o que eles nem sequer conhecem? A noite é fria, é escura e dela nunca se sabe o que se pode encontrar atrás dos “insulfilms” dos carrões dos críticos que circulam na noite, aqueles mesmos que por muitas vezes deixam suas famílias (mulheres e filhos) para buscarem prazer, exatamente com o alvo de suas críticas. Aqueles que cercados de seus amigos machões em mesas de bares de outras esquinas com nomes tão notórios, gritam sempre que: - Viado tem que morrer! Ou - Eu acho uma aberração às travestis? Ou muitas outras frases de efeito e sem nenhum sentido.
Nesta hora não isento nem amigas TVs e Trans que como eu tiveram a sorte de poder viver uma vida “MAIS COMUM” ou “COTIDIANA” se assim podemos chamar, mas sem sermos hipócritas de dizer que “SEM PRECONCEITO”. Adoraria que elas lembrassem como foi seu passado, e não esquecessem que não é porque a sorte sorriu de maneira diferente a elas que as meninas que nas esquinas estão são menos que elas. Até porque, muitas criticam sem nem ao menos por uma vez, terem calçado suas lindas sandálias altas e terem sentido o frio da noite em suas bundinhas e terem sentado no desconhecido banco da direita de um carro. A minhas amigas fica meu convite: EXPERIMENTEM antes de se acharem melhores que alguém? Sempre lembrando que fazemos parte de uma mesma minoria, que sofre com o preconceito, que mulher genética é aquela que Deus deu o dom a dar a luz e por ai vai.
Aos pseudo “MACHÕES” rsrsrsrs de plantão, peço que quando virem uma placa de rua com um nome notório e perto dela verem um ser humano, bonito e sensual, fazendo seu trabalho, RESPEITEM e pensem se teriam coragem de fazerem o mesmo para sobreviver?
Fica aqui meu beijo a todos
Gi

9.3.09

BLOGSEXI DE MARÇO

CAROLINA DINIZ, uma “jovenzita” paulistana, colocou no ar em dezembro de 2008 seu blog SEXO NA PONTA DA LÍNGUA. Carol decidiu criar um blog para unir o útil ao agradável “juntando o amor que sinto em escrever com a possibilidade de discutir os temas que todo mundo quer saber e muitas vezes não tem coragem de falar”. Chegou fazendo muito sucesso, postando temas polêmicos e falando de assuntos que são tabus entre homens e mulheres. Carol avisa – “dou consultoria em relacionamentos, palestras e cursos sobre diversos assuntos relacionados à sensualidade feminina, mas não faço amarrações para o amor, não trago ninguém de volta e nem faço milagres”.
LEO: Como surgiu a idéia do blog?
CAROLINA DINIZ: Faz pouquíssimo tempo, menos de um ano. Na verdade Eu decidi fazer um blog pelo puro amor que tenho de escrever. Gosto e entendo do assunto SEXO e aí uni o útil ao agradável!
LEO: Você com essa carinha de mocinha comportada, "di família" podia fazer um blog de culinária, moda... Porque resolveu falar sobre SEXO?
CAROLINA DINIZ: Porque eu não entendo de moda e sou aspirante à cozinheira, então preferi falar sobre o que entendo, daquilo que gosto - SEXO! Se eu gostasse de futebol talvez fizesse um blog sobre o CORINGÃO!!
LEO: O q significa "entendo do assunto sexo". Você tem vinte e poucos anos e disse q "sabe tudo" de sexo, eu com 46 estou aprendendo...você sabe tudo mesmo?
CAROLINA DINIZ: Hahhahh é a essência mesmo. Um dom, vai saber... Tenho uma facilidade absurda em me comunicar e nunca tive problemas com a minha sexualidade. Sempre tratei disso com muita naturalidade, além de sempre ler muito sobre o tema. Mas, ninguém sabe tudo. Acredito que quando o ser humano achar que sabe tudo, só resta esperar pela morte. A vida é feita de aprendizados diários, não importa sua idade ou o que você pensa sobre isso ou aquilo. Adoro saber a opinião dos outros. Hoje eu sei bastante, mas estou longe de saber tudo. Sei muito mais do que muita mulher de 40, mas aprendo com as mulher de 50, de 18, de 30. A vida é um aprendizado contínuooooo ok!
LEO: É impressão minha ou a maioria dos blogs que abordam o tema sexo é escritos por mulheres. você acha que é uma forma de "colocar os monstros pra fora"?
CAROLINA DINIZ: a mulher fala mais do que o homem. Desde criança a mulher escreve em diários, conta segredos para as amigas e por aí vai.
LEO: mas escrever sobre sexo, publicar, é novidade. Você acha q escrever criando um “personagem” é mais fácil?
CAROLINA DINIZ: É muito mais fácil, mas eu prefiro mostrar quem sou eu. Não tenho problemas com identidade eu sou o que eu sou. Escrevo no blog para quem quiser ler. Se fulano não gostar, com um clique ele poderá sair de lá e nunca mais voltar.
LEO: O maior público do Sexo na Ponta da Língua são as mulheres. Você acha que a mulher contemporânea abandonou a cozinha, deixou de brincar de casinha e se preocupa mais em "trepar melhor"?
CAROLINA DINIZ: Com certeza! Embora sua pergunta tenha sido um pouco machista, eu acho que as mulheres sempre quiseram "trepar melhor", só que hoje isso ficou muito mais evidente. As mulheres têm representado muito bem os novos papéis que tomaram dos homens.
LEO: A pergunta não foi machista, foi provocação. Na década de 60 a mulher queria ter filhos, uma casinha, um marido e uma cozinha bacana...hoje ela quer o que?
CAROLINA DINIZ: Hoje ela quer fazer o que gosta, ter sua opinião respeitada, ser independente. Ela quer exatamente o que eu quero! Hoje a mulher ainda quer uma casa, mas uma casona, um maridão, não um maridinho. Filhos hmmmm, não sei.
LEO: vc ficou impressionada com a "audiência" do blog? Dos assuntos q você trata La, quais dão mais ibope?
CAROLINA DINIZ: Sexo oral, sexo anal, sexo, sexo, sexo e mais sexo!! As pessoas gostam de saber mais e mais sobre isso. Quando o assunto é relacionamento a galera comenta, visita, mas fica nisso. Quando escrevo o que elas querem ler, a audiência triplica sexo é o mercado mais lucrativo na internet e no mundo hoje.
LEO: A mulher contemporânea ficou bacana, trepa legal, é inteligente, tem grana, mas, na sua opinião porque os homens cada vez mais procuram as mulheres de programa, o sexo pago e descomprometido, o sexo fast food?
CAROLINA DINIZ: hahhahhahha aí você me pegou! Mas eu tenho uma opinião muito pessoal sobre isso. Algumas mulheres continuam paradas no tempo, não entendem que precisam acompanhar a evolução e que podem fazer isso sem ser vulgar. Algumas ainda fingem orgasmo, ainda tem medo de dizer o que querem e como querem. O sexo pago é procurado por diversas razões e quando se trata de comportamento não existem regras. A qualidade do sexo cai e os homens procuram fora o que não encontram em casa. Não excluo a responsabilidade deles Muitas vezes não existe diálogo entre o casal. Aí ele não fala e ela não adivinha!
LEO: o seu blog é um gancho pra outro trabalho. Fale um pouco sobre isso.
CAROLINA DINIZ: é um gancho sim. Escrevo em outro blog - Diário de Solteiro, além de ser um gancho para o meu livro que será publicado em breve. Trabalho com artes sensuais e dou cursos sobre sensualidade, strip, massagem.
LEO: Você ficou surpresa com a freqüência e o conteúdo dos comentários no seu blog?
CAROLINA DINIZ: fiquei muuuuito surpresa com a rapidez que aconteceu. Convites, elogios, comentários, críticas construtivas, que também são bem vindas. Eu sabia que daria certo! Comecei com certeza de sucesso e foi assim. Boa parte disso eu devo aos amigos blogueiros que me ajudam muito com a divulgação. VOCÊ É UM DELES!

8.3.09

MULHER

1-Mulher não mente, e sim omite os fatos.
2-Mulher não fofoca, mas sim troca informações.
3-Mulher não trai, se vinga.
4-Mulher não fica bêbada, entra em estado de alegria.
5-Mulher nunca xinga, apenas é sincera.
6-Mulher não grita, testa as cordas vocais.
7-Mulher nunca chora, lava as pupilas dos olhos com freqüência.
8-Mulher nunca olha para um homem sarado com segundas intenções, apenas verifica suas formas anatômicas.
9-Mulher sempre entende o que o homem diz, só pede que explique novamente para testar sua capacidade de raciocínio.
10-Mulher não sente preguiça, descansa a beleza.
11-Mulher nunca sofre por amor, e sim entra em contradições com os sentimentos.
12-Mulher nunca engana os homens, pratica o que aprendeu com eles...!!!

3.3.09

DANIELA MERCURY

A baiana Daniela Mercury está com tudo! Além de ótima cantora e deliciosa mulher, se transformou na musa de Camille Paglia, considerada umas das principais teóricas do "pós-feminismo". A intelectual disse em um de seus artigos que Daniela Mercury é a diva brasileira que Madonna gostaria de ser.
Pra completar, durante a gravação de um DVD, Daniela deu um beijão na boca de Alinne Rosa (VÍDEO), As duas cantavam juntas uma música de Marina Lima quando, ao final da apresentação, Daniela não segurou a emoção e tascou um beijo de tirar o fôlego na vocalista da banda "Cheiro de Amor".

video

OOOPSS

Esquecer da calcinha? Ôpa!!! Tá perdoada!!!!
Massssssssssss... esquecer o cordãozinho do OB pra fora.... é de FODER hein ???

1.3.09

VERA FISCHER NA TELONA

video

Para terminar bem o mês de fevereiro e começar melhor março, um pouquinho de EU TE AMO, filme com VERA FISCHER E PEREIO.

BOCETA É COM O!

Um comentário do Tio Rogs, me chamou a atenção. Além do conteúdo, a forma como ele grafou a palavra BOCETA (com O). Fui "pesquisar", não anatômicamente, mas sim a forma certa de nomea-la.
Caros sexileitores - BUCETA não existe!!! O que as mulheres têm é BOCETA:(substantivo feminino) caixinha redonda, oval ou longa, feita de materiais diversos e usada para guardar pequenos objetos. Usada também para guardar rapé! Faz sentido a "tal caixinha oval e longa feita para guardar..."
Corrigindo meu post - BOCETÃO é BOCETÃO o resto é mulherzinha!
Ah! E a Viviane Araujo continua sendo um puta BOCETÃO!
"A boceta é portuguesa, gorducha e rodeada de pêlos negros e macios. A boceta é maternal e devoradora, forte o suficiente para povoar a costa brasileira engolindo espadas lusitanas – aquelas que, não importa o tamanho, são feitas do aço mais tesudo e disposto. A boceta combina maravilhosamente com a espada do conquistador.
A buceta é brasileira, multicultural e vira-latas. Buceta não tem pedigri, tem fome. Não quer povoar, não quer ser imperatriz, não quer expandir. A buceta combina maravilhosamente com o passaralho desenhado no banheiro do botequim (cujo dono é português, com certeza …)
Agora me diz, qual é a mulher que não alterna sua boceta com sua buceta? Que não é maternal e safada? Que não é perigosa e devoradora? Que não faz filho e poesia?
A boca é a mesma, só muda a grafia."
publicado em http://duasbocas.wordpress.com/

Em comemoração ao Terceiro Aniversário do SEXIMAGINARIUM "no ar" o CONCURSO CHILLI SEXIMAGENS
REGRAS E PREMIAÇÃO AQUI